O chefe austríaco do Ocean foi o principal contemplados dos prémios Boa Cama Boa Mesa, que elegeram ainda o seu restaurante como Garfo de Platina, juntando-se a Belcanto, Feitoria e São Gabriel no lote mais restrito do guia.

A décima sexta edição do guia que distingue restaurantes e hotéis, de norte a sul de Portugal e ilhas, mantém a estrutura do ano anterior e engloba os galardões ‘Garfo de Platina’, ‘Garfo de Ouro’ e ‘Garfo de Prata’. Esta premiação pretende assinalar os restaurantes com o melhor desempenho ao longo do ano. Dito isto, dentro do grupo Platina 2019 passam a estar apenas quatro restaurantes, mantendo-se na categoria máxima o Belcanto (Lisboa), o Feitoria (Lisboa), o São Gabriel (Loulé) e o Ocean (Lagoa)  — a novidade deste ano — de Hans Neuner, que também levou para casa o título de Chefe do Ano, ganho em 2018 por José Avillez.

Ainda nessa categoria, relativamente ao ano passado, há uma descida: o Loco ostenta agora um Garfo de Ouro. A par do restaurante de Alexandre Silva, há seis novas entradas nessa categoria (num total de 12), entre elas a Casa de Chá da Boa Nova (V.N. Gaia), o Euskalduna (Porto) e o Rei dos Leitões (Mealhada). Já entre os eleitos do Garfo de Prata, fazem agora parte 15 espaços, dos quais sete novas entradas, como o Jncquoi (Lisboa), o Epur (Lisboa) e o 50 Seconds by Martin Berasategui (Lisboa).

Destaque ainda para João Pires – único mestre sommelier da Península Ibérica, que se distinguiu por ser uma referência mundial no mundo dos vinhos, e que na gala de apresentação do guia foi contemplado com o prémio Carreira.

Se assumimos que temos bons produtos temos que assumir que podemos ter boas histórias”

Após o sucesso da primeira edição das Conversas Boa Cama Boa Mesa, o guia elaborado pelo Jornal Expresso, voltou a reunir seis personalidades para abordar as temáticas da restauração e do turismo no país. Quando questionado sobre se no panorama nacional ainda faltam saber contar boas histórias, João Wengorovius, ex-publicitário e autor do livro ‘We Chefs’, foi um dos intervenientes. “Se assumimos que temos bons produtos temos que assumir que podemos ter boas histórias”, referiu. Produtos esses que, na opinião de  Luís Araújo, presidente do Turismo de Portugal, são um dos pontos fortes do nosso país. Na mesma linha de pensamento, João Rodrigues, chefe de cozinha do restaurante Feitoria, rematou: “Se não dermos a conhecer aquilo que fazemos é como se não fizéssemos nada”.

O guia estará disponível a partir do dia 13 de abril, pelo valor de 12,90€ com o Jornal Expresso e, em formato digital na app Boa Cama Boa Mesa 2019.

Veja abaixo a lista completa dos restaurantes vencedores:

Garfo de Platina

Belcanto (Lisboa)

Feitoria (Lisboa)

Ocean (Lagoa)

São Gabriel (Almancil)

Garfo de Ouro

A Cozinha (Guimarães)

Antiqvvm (Porto)

Casa de Chá da Boa Nova (V.N Gaia)

Euskalduna Studio (Porto)

G Pousada Restaurante (Bragança)

Loco (Lisboa)

Mesa de Lemos (Viseu)

Pedro Lemos (Porto)

Rei dos Leitões (Mealhada)

The Yeatman (V.N Gaia)

Vila Joya (Albufeira)

Vista Restaurante (Portimão)

Garfo de Prata

Alma (Lisboa)

Bon Bon (Lagoa)

Egoísta (Póvoa de Varzim)

Epur (Lisboa)

Ferrugem (Vila Nova de Famalicão)

Fifty Seconds by Martin Berasategui (Lisboa)

Il Gallo d’Oro (Funchal)

JNcQUOI (Lisboa)

LAB by Sergi Arola (Sintra)

Largo do Paço (Amarante)

O Paparico (Porto)

Pequeno Mundo (Loulé)

Restaurante Noélia (Cabanas de Tavira)

Taberna Ó Balcão (Santarém)

Vallécula (Guarda)