Uma das dúvidas constantes quando viajamos a cidades que pouco ou nada conhecemos, prende-se com o desconhecimento acerca dos espaços frequentados pelos locais e tidos como uma verdadeira experiência a não perder. O que nos leva por vezes a acabarmos em locais que de alguma forma desiludem. Seja na oferta gastronómica, de bebidas, decoração ou a própria experiência no geral. É por isso que convidamos agora uma série de bartenders portugueses a fazer uma escolha, ainda que subjetiva, de bares a visitar aquando de uma estadia em cidades como Londres, Amesterdão, Nova Iorque ou até Lisboa. Estes são profissionais que trabalham na dita cidade, estas que se podem repetir ao longo da rubrica. Afinal cada pessoa conta com as suas escolhas, sempre individuais. Nesta primeira tentativa de mostrar isso, Tiago Vasconcelos, com 25 anos, e experiências profissionais em Amesterdão, oferece as suas sugestões em Londres, onde exerce funções no Blind Pig at Social Eating House. É ler e seguir.

Satan’s Whiskers
Morada: 343 Cambridge Heath Road – Bethnal Green

Foto: Kris Piotrowski

“Este é um excelente espaço com uma fantástica e atenciosa equipa. Muito intimista, está recheado de memorabilia de bar. Com uma fachada intencionalmente desgastada e enganadora, reconhecido pelo letreiro em néon, é um espaço adorado por  muitos bartenders, com uma carta modificada diariamente. Está refugiado num bairro um pouco mais sossegado em comparação ao centro de Londres”.

A provar: Satan’s Manhattan

Gibson
Morada: 44 Old Street

Foto: DR

“Local inspirado nos anos 20, é a casa de extraordinários bartenders, a destacar Marian Beke, com cocktails com uma criatividade e qualidade incomparáveis, servidos num ambiente acolhedor e descontraído. Melhor do que ter a oportunidade de ver estes profissionais imersos no seu trabalho, é fazê-lo ao som de clássicos tocados pelo pianista de serviço. Das melhores experiências que Londres tem para oferecer”.

A provar: Beyond the Pines

Cahoots
Morada: 13 Kingly Court, Carnaby – Soho

Foto: DR

“Construído com o tema do metro de Londres em mente, é impressionante o nível de detalhe encontrado neste bar, que apresenta os próprios assentos como réplicas de carruagens. Os empregados estão vestidos segundo os anos 40 e à entrada, recebe-nos um rapaz vestido de guarda de metro. Tem uma carta de bar extensa, apresentada em forma de jornal. Se procura ter uma noite diferente é um bar a visitar”.

A provar: Welcome Back to Blighlty

El Camion Mexicano
Morada: 25-27 Brewer Street – Soho

Foto: DR

“Inspirado na cultura mexicana, embora pareça um simples restaurante à primeira vista, esconde um bar inspirado no ‘Dia de los Muertos’ no piso inferior, com uma vasta coleção de tequila e mezcal, bastante cerveja mexicana e uma pista de dança. Local perfeito para descontrair e terminar a noite”.

A provar: Hemingway Daiquiri

Blind Pig at Social Eating House
Morada: 58 Poland Street – Soho

Foto: DR

“Este é um bar pelo qual nutro bastante carinho, e em que me podem encontrar atrás do balcão, na grande maioria dos dias. Com um leve toque de inspiração nos speakeasys da era da Lei Seca, Blind Pig destaca-se pela mistura de um ambiente informal e relaxado, com padrões de serviço altos, snacks elaborados na cozinha Michelin do Restaurante Social Eating House e uma carta de cocktails constantemente atualizada e de toque humorístico”.

A provar: Languid Caterpilar

*’O Meu Roteiro de Bar…’ é uma rubrica onde bartenders portugueses são convidados a fazer uma seleção de alguns dos seus bares preferidos, na cidade onde trabalham.