Sugestões de Natal: 6 livros para ler, comer e beber

Um bom livro calha sempre bem no sapatinho. Aqui deixamos-lhe seis títulos recentes, associados à arte de (bem) comer e beber e que se adaptam a todo o tipo de paladares.

Lisboeta de Nuno Mendes (33,90€)

Depois da edição inglesa, lançada em outubro de 2017, Nuno Mendes dirige-se agora aos portugueses para mostrar, uma vez mais, a paixão pela cidade que o viu nascer e que nunca deixou de ser a sua — apesar de morar há largos anos em Londres. A obra é uma autêntica viagem pela capital, pelos espaços e características que mais admira, bem como as suas receitas portuguesas favoritas, aqui sempre com o seu toque pessoal.


Histórias à mesa. As 50 refeições que marcaram o mundo
de Marion Godfroy e Xavier Dectot  (16,50€)

Dois aficionados pela História e Gastronomia juntaram-se para mergulhar no passado e trazer de volta receitas e factos esquecidos no tempo. Através de uma longa e afincada pesquisa, Marion Godfroy e Xavier Dectot descobriram, por exemplo, que uma das últimas sobremesas cozinhadas a bordo do fatídico Titanic foi um simples éclair de chocolate com cobertura de baunilha. O melhor de tudo? Oferecem a receita exata da iguaria. Noutro capítulo, mostram o que reis e rainhas comiam, caso do bolo de fruta típico da consoada de Vitória de Inglaterra (1899), feito a partir de frutos cristalizados e… gordura de rim de vaca. Sempre à luz dos tempos atuais, as receitas da história no presente incluem todos os ingredientes e passos necessários à sua execução.


Bistromania – No Bistro como em casa de Ljubomir Stanisic e Mónica Franco (22,90€)

O homem que nos últimos dois anos se dedicou a entrar na intimidade de dezenas de restaurantes portugueses e a virá-los do avesso, em Pesadelo na Cozinha, abre, nesta obra, a cozinha e o coração do seu Bistro 100 Maneiras, em Lisboa. Aquele que podia ser mais um livro de cozinha ou cocktails (porque também os tem) de um chefe conhecido não é. Para começar, porque falamos Ljubomir Stanisic. E depois porque inclui fotografias, histórias de bastidores e curiosidades escritas pela sua mulher, a jornalista Mónica Franco. 

Os doces da chef Marlene – O sabor do saber português de Marlene Vieira (19,90€)

As fotografias servem o deleite dos mais gulosos e as receitas detalhadas mas simples, ali ao lado, fazem o processo de confeção parecer muito fácil. A chefe faz o favor de guiar o leitor por meses do ano e adequar as sobremesas, doces ou bolos, aos produtos de temporada. Por aqui vai encontrar umas receitas mais tradicionais e outras menos, sempre com o cunho pessoal de Marlene Vieira, que, em algumas páginas, ainda se dedica a explicar bases de pastelaria, para os menos familiarizados com esta arte.

The Noma Guide to Fermentation de David Zilber e René Redzepi (36,25€)

O Noma, em Copenhaga, de René Redzepi, é um dos mais aclamados restaurantes do mundo. Em grande parte dos seus pratos inclui produtos fermentados, tanto que há um laboratório próprio no espaço, chefiado por David Zilber, que se dedica somente a trabalhar a fermentação de todo o tipo de ingredientes. As técnicas usadas são desvendadas neste livro que também pretende funcionar como guia. Koji, kombuchas, misos e vinagres são alguns dos ensinamentos explorados na obra, acompanhados de cerca de 100 receitas originais, prontas a serem usadas em qualquer cozinha.


Vinos. Contextualización y viticultura por Fundação elBulli (59€)

Desde do seu encerramento, em 2011, o elBulli tornou-se numa fundação, um centro criativo de investigação cujo principal objetivo é pensar a cozinha. Ao longo dos anos, essa sabedoria foi expressa em livros. O mais recente, ‘Vinos. Contextualización y viticultura’, é o terceiro de uma série de 35 edições, conhecida pelo nome Bullipedia, cujo objetivo é oferecer aos leitores conhecimento sobre as mais variadas área da gastronomia. Depois de duas obras sobre bebidas lançadas este ano, o novo livro contextualiza e aprofunda o tema do vinho e da viticultura. Segundo o mentor do projeto, Ferran Adrià, a principal motivação é “profissionalizar e motivar equipas de sala e qualquer aficionado por este mundo”.

Por |2019-01-03T10:05:30+00:0012:27, 17/12/2018|

Partilhar com um amigo