Partindo das 33 palavras-chave apresentadas na capa, o novo livro de João Wengorovius, ‘We, Chefs’ reúne pela primeira vez na escrita gastronómica, 21 dos melhores chefes de cozinhas do mundo, numa exploração dos seus métodos, processos e pensamentos criativos e da forma como estes se traduzem não só dentro, mas para lá da cozinha. Uma perspetiva sobre a transversalidade do trabalho de um chefe, sob outros pontos de vista e de como as suas facetas se podem transportar e ser identificáveis em tantas outras artes e ofícios.

Depois de mais de 20 anos em gestão e publicidade, o autor (antigo CEO da BBDO – Batton, Barton, Durstine & Osborn, Lisboa) manteve sempre a área da gastronomia sob observação e após a sua formação no Alain Ducasse Centre de Formation em Paris, viajou pelo mundo, contactando dezenas de chefes que o ajudaram na sua pesquisa sobre a procura da criatividade. Um trabalho de quatro anos, no qual caracteriza a consistência como o principal desafio ao complemento de um bom trabalho.

Os vários chefes, apresentados em grupos de quatro, dão início à discussão que culmina na compreensão de como a busca pela singularidade na cozinha de autor, pode ressoar em muitos de nós. Assim como da importância da gastronomia no conhecimento sobre nós mesmos.

Resultou este livro que nos dá um reflexo do papel dos chefes e dos seus conhecimentos e abordagens interdisciplinares, que não só os distingue, como observa aquilo que têm em comum enquanto criadores, mentores, artesãos, curadores, ativistas, empreendedores ou contadores de histórias.

Ficha Técnica:

Nome: We, Chefs
Autor: João Wengorovius
Editora: Documenta
Páginas: 592
PVP: 90€