Numa altura em que Ljubomir Stanisic anda nas bocas do povo, com o seu mais recente programa de televisão ‘Pesadelo na Cozinha’, eis mais um motivo de falatório. O chefe jugoslavo, em Portugal há mais de 20 anos, acaba de ver o seu Bistro 100 Maneiras, em Lisboa, ser eleito número um na 3.ª edição dos prémios da revista britânica Monocle.

Segundo a publicação, os ‘Restaurant Awards’ fogem aos restaurantes estrelas Michelin para oferecer aos leitores um “manifesto de refeições memoráveis e honestas, com comida de conforto e feita sobretudo de especialidades regionais”. A seleção do top 50 da lista é feita por correspondentes e editores da revista nos quatro cantos do mundo, no último ano, e onde se incluem espaços em Tóquio, Singapura, Londres e Nova Iorque.

Ljubomir Stanisic começou por trabalhar com Vítor Sobral na Cervejaria Lusitana, e seguiu caminho nos restaurantes dos hotéis Albatroz e Fortaleza do Guincho, em Cascais. Em 2004, abre o primeiro 100 Maneiras que viria a fechar em 2008. No ano seguinte inaugura o novo restaurante, no Bairro Alto. Em 2010, nasce o Bistro 100 Maneiras, no Chiado.