Ana Gonçalves é a mulher que, durante anos, foi presença constante nas equipas de cozinha de Nuno Mendes em Londres e partilhou experiências com tantos outros portugueses. No The Loft conheceu Zijun Meng, que viria a ser o seu companheiro e sócio no TãTã Eatery, um restaurante de inspiração asiática, inaugurado em 2015.

Do início se conta a história. Ana Gonçalves, 35 anos, deixou Lisboa em 2009, com o curso de designer gráfico no bolso e algumas experiências profissionais. Antes de se fazer à aventura em Londres, passou pelo Brasil para fazer uma pós-graduação na área. Insistiu, mas a coisa não correu bem. A cozinha foi um caminho alternativo pelo qual decidiu envergar. “A minha mãe e avó sempre cozinharam muito. E eu também”. De viagem marcada para a capital britânica, foi aprender e frequentou o curso de cozinha na escola Le Cordon Bleu. Na altura, encontra Nuno Mendes e aí começa um novo capítulo. Na altura do The Loft – um projeto temporário em que o chefe preparava jantares em sua casa, para um número limitado de pessoas – conhece Zijun Meng, o atual namorado e parceiro no TãTã Eatery.

Os dois pupilos, considerados o ‘power couple’ da cozinha londrina, pelos media do país, acompanharam ainda Mendes nos projetos Corner Room, Viajante e Chiltern Firehouse. Meng tem um background em artes e vive em Londres há já 14 anos, conta-nos Ana. A portuguesa não poupa elogios ao companheiro. “Criativamente, ele é fora de série”. A relação na cozinha, garante, é tranquila. “Funcionamos bem”.

Uma mescla de cozinha europeia e asiática

Em meados de 2015, Meng sai do Chiltern Firehouse com a ideia de abrir um projeto próprio. Ana junta-se na viagem e o romance começa. A nível profissional as coisas acabam por não correr como esperavam. Aí surge a ideia do TãTã Eatery. Inicialmente, as experimentações do jovem casal começaram numa carrinha de street food, em festivais que aconteciam aos fins de semana pela cidade. Mas rapidamente perceberam que a sua comida “era difícil de ser percebida na rua”. Depois de algumas experiências em jantares pop up, encontram um espaço num café, Curio Cabal, situado em Haggerston, na zona leste de Londres. “Partilhamos o espaço com o café. Eles funcionam de manhã e à tarde e nós de noite. Aos fins de semanas, fazemos também o brunch”.

O sonho chega e no TãTã Eatery é possível encontrar uma cozinha de inspiração asiática com alguns produtos europeus. A equipa de seis (todos portugueses, exceto Meng, de origem chinesa) é responsável pelos 15 pratos, divididos em snacks, pratos de peixe, carne, rice bowls e sobremesas. “A nossa cozinha é baseada em referências da cozinha asiática”. Aos clientes, muitos deles asiáticos, querem oferecer “algum tipo de emoção, que os faça lembrar certos sabores”, algures escondidos nas suas memórias. Nos pratos, feitos para partilhar nas mesas longas que compõem o espaço, é comum o uso do porco ibérico. “Usamos produtos de qualidade”. A portuguesa confessa que os empratamentos sofrem influência do seu passado ligado ao design e o de Meng às artes. “É quase como um resultado do trabalho manual ao qual estávamos habituados”.

Fotos: DR

Fotos: DR

 

Nuno Mendes (again) e os portugueses em Londres

É inegável a importância de figuras como Nuno Mendes, Leandro Carreira ou Cláudio Cardoso na divulgação de Portugal por Londres. O entusiasmo relativo à nossa cozinha, diz Ana, tem crescido por Inglaterra e isso deve-se muito a nomes como os em cima referidos. “O Leandro tem promovido muito os nossos produtos e o Nuno, desde que abriu a Taberna do Mercado, tem produzido um falatório enorme na cidade. Estamos na boca do mundo”. Em outubro do ano passado, o chefe português em entrevista para o ETASTE, mostrava-se satisfeito com a curiosidade dos media britânicos pelo Douro e Alentejo, e não apenas o Algarve, como habitual. “Eles querem descobrir o nosso vinho e a nossa gastronomia. Isso é muito bom, fico feliz”.

Nas recorrentes viagens ao país de origem, Ana Gonçalves vê com bons olhos os novos conceitos a emergir e aplaude quem – como ela – sai do país para depois voltar e dar “uma lufada de ar fresco” à cozinha portuguesa. “Nesta profissão é necessário sair e ver outras coisas. E depois voltar para trabalhar os nossos produtos, que são espetaculares”.

O regresso a Portugal é uma possibilidade. “Adorava”. Por estes dias, Ana e Meng estão ocupados, em reuniões, para perceberem o que futuro lhes reserva. Existem várias possibilidades em cima da mesa, uma delas é abrir um outro espaço em Londres. Até ao final do ano, é esperar pelos pop up do casal maravilha, quase certos a acontecerem pela capital portuguesa.

Contatos:

TãTã Eatery

Morada: 258 Kingsland Road, E8 4DG, Londres
Telf:. 020 7754 4945

Aberto ao jantar, de quarta a sábado, das 18h à 23h. Ao brunch, aos fins de semanas, das 11h às 16h.

 

*Portuguese Chefs Worldwide é uma rubrica que dá a conhecer profissionais portugueses, nas áreas da cozinha e da pastelaria, espalhados pelo mundo.